Eventos de RH







x-x-x-x-x-x-x-x

Encontram-se abertas as inscrições para a 29ª edição do Prêmio Jovem Cientista cujo tema é “Inovações para Conservação da Natureza e Transformação Social”. O prazo é até o dia 31/07/2018.



O Prêmio foi instituído pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em 1981, com o objetivo de estimular novos talentos da ciência, investindo em estudantes e pesquisadores que buscam soluções para os grandes desafios brasileiros. Premia em diferentes categorias do ensino superior e também no ensino médio, reconhecendo o trabalho dos jovens pesquisadores brasileiros. Nesta edição, a premiação conta com a parceria da Fundação Roberto Marinho, da Fundação Grupo Boticário e do Banco do Brasil.

No site www.jovemcientista.cnpq.br há mais detalhes sobre o Prêmio.

Para que possamos registrar a participação da Estácio, solicitamos ainda que os projetos submetidos nos sejam comunicados através do formulário eletrônico “Fomento à Pesquisa através de recursos externos ou recursos próprios”, disponível em https://goo.gl/wvtNZt.

X-X-X-X-X-X-X-X-X-X

Pensando nos pilares Ensino, Pesquisa e Extensão, a Estácio além do tradicional Seminário de Pesquisa, realizará sua I Mostra de Extensão Nacional.

Aproveite a oportunidade e inscreva o seu trabalho! Saiba mais: www.estacio.br/seminariodepesquisa



x-x-x-x-x-x-x-x-x


Em manhã inspiradora e emocionante, foi lançado o projeto de Alfabetização e Letramento para Jovens e Adultos da Estácio

Qui, 05 de Abril de 2018 18:59 Rogerio Braga


O dia 5 de abril de 2018 marcou um novo capítulo em nossa história. O projeto de Alfabetização e Letramento está oficialmente lançado e estará em plena atividade a partir da próxima segunda-feira, dia 9 de abril.
Esta iniciativa, que integra o Programa de Responsabilidade Social da Estácio, está sendo implementada inicialmente como piloto em três unidades do Rio de Janeiro: Queimados, Alcântara e Via Brasil.
“Nosso objetivo é levar esse projeto a todas as unidades da Estácio no Brasil. Queremos erradicar o analfabetismo no entorno de nossos campi”, afirma nosso presidente e idealizador do projeto Pedro Thompson. ”
O evento foi marcado por muitas passagens emocionantes e por participações especiais, como a presença do Sr. Valdir de Lima, alfabetizado aos 60 anos e formado em História na Estácio aos 80. Compareceram também as Coordenadoras de Pedagogia, os professores e alunos alfabetizadores que estarão em sala de aula durante quatro meses, três vezes por semana, protagonizando essa história com os alfabetizandos.
Prestigiariam o lançamento, os VPS de Ensino, Hudson Mello, de Gente e Gestão, Érika Magalhães, de Finanças e RI, Gustavo Zeno, de Operações, Orlando Ferreira, de EaD, Aroldo Alves e de Mercado Higino Viegas, bem como o chanceler Ronaldo Mota e a equipe responsável pela construção coletiva do projeto. O padrinho e as madrinhas destas três primeiras unidades, Fernanda Keller, Flávio Canto e Laís Souza, foram homenageados, assim como a embaixadora do projeto, a atriz Malu Mader.
“Este projeto está alinhado à missão da Estácio, de Educar para Transformar, e reforça nossa diretriz de manter um relacionamento próximo e sustentável com a comunidade do entorno de nossos campi. Representa ainda uma oportunidade para nossos alunos, que vão aprender na prática ao atuarem como professores, o que sustenta nosso compromisso com a empregabilidade de nossos egressos”, acrescentou Cláudia Romano, vice-presidente de Relações Institucionais e Sustentabilidade do Grupo Estácio.
Um dos diferenciais do programa é a metodologia desenvolvida pela Estácio, que visa estimular o aprendizado dos adultos por meio de atividades coletivas e evitar a evasão dos alfabetizandos. As salas terão mesas redondas com cadeiras coloridas e não haverá provas para avaliar o conhecimento adquirido pelos alunos. O desempenho dos alfabetizandos será analisado pelos professores durante as aulas. “Esses adultos se sentem excluídos por conta do analfabetismo e é muito comum que tenham o ímpeto de desistir. Por isso, atuamos de forma a apoiar os alunos a seguirem estudando, apesar das dificuldades”, destaca Cláudia Romano.
x-x-x-x-x-x-x-x-x

Internacionalização da ESTÁCIO

(Por Prof. Rafael Ilório - Vice-Reitor de Pós-Graduação)



Somando esforços ao processo de internacionalização, é com imenso prazer e satisfação que informo a participação ampla dos professores e alunos da Estácio no Encontro anual do Law and Society Association 2018, que ocorrerá entre os dias 07 a 10 de junho na Cidade de Toronto.


Na verdade, somos a única IES brasileira com grupo de trabalho permanente (CRN – Collaborative Research Network) nesta que é uma das maiores associações de pesquisadores em Direito e em Ciências Sociais na América do Norte. Estamos ao lado, v.g., de Harvard e de Yale.



Nosso grupo de trabalho se denomina “Constitutional Law and Legal Culture in comparative perspectives: Asia and the Americas” e, foi organizado por: Fernanda Duarte (Universidade Estácio de Sá), Rafael Mario Iorio Filho (Universidade Estácio de Sá), Ronaldo Lucas da Silva (Universidade Estácio de Sá), David Ritchie (Mercer University), Younghoa Jung (Chonbuk National University) e Maria Elena P.Rivera-Beckstrom (University of Illinois).





x-x-x-x-x-x-x-x

Aluna do Reino Unido fala de sua experiência de intercâmbio na Estácio 
(Por Christiano Machado)

Hoje recebemos a notícia de que a Northumbria University publicou em seu website o relato de experiência da aluna Emma Butterworth, hoje em intercâmbio na Universidade Estácio de Sá, campus Niterói!

A UNESA é listada como uma das parceiras da IES estrangeira, ao lado da USP, Unicamp e UFPE. Recentemente, selecionamos uma aluna da Estácio para realizar intercâmbio na instituição inglesa, a partir de setembro deste ano.

Emma desenvolve pesquisas, sob minha orientação, junto com alunos de iniciação científica dos cursos de Fisioterapia e Engenharia, e deixa nosso país no final de Abril.
Esse texto objetiva compartilhar esse grande resultado que a área de internacionalização da Estácio está alcançando, sob a liderança do prof. Rafael Iorio.

Ressalto a importância do apoio operacional que tivemos no campus Niterói, sob direção do Marcos Lima.









X-X-X-X-X-X-X-X-X



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário em nosso Blog. Aguardamos você outras vezes.